Home Futebol Masculino Opinião: Presidente prioriza futebol ao invés de imunizar brasileiros

Opinião: Presidente prioriza futebol ao invés de imunizar brasileiros

-

Eu poderia falar do Gre-Nal 432 que aconteceu no final de semana passado e deu o título do Gauchão 2021 ao Grêmio, após um empate na Arena. Poderia falar dos jogos fracos que a dupla realizou no meio da última semana pela Libertadores e Sul-Americana. Poderia dizer que o Internacional estreou no Brasileirão diante do Sport e da arbitragem que falhou duas vezes e influenciou diretamente no resultado. Quem sabe comentar do novo surto de covid-19 que afeta o tricolor.

No jornalismo os fatos se impõem. Estamos nos aproximando dos 500 mil mortos por covid-19. Isso deve acontecer antes do começo dos jogos da Copa América, que pode ser realizada no país em menos de duas semanas. Sim, não é brincadeira. A Colômbia rejeitou a organização do evento devido a uma forte crise política. A Argentina, que dividiria as sedes com a Colômbia, ficou sozinha na empreitada e declinou da organização no último domingo, 30. A Argentina se negou a realizar a competição diante de menos de 80 mil mortos.

Sem ter onde realizar o evento, a Conmebol entrou em contato com o Brasil que respondeu rapidamente e permitiu que o torneio, marcado para começar em duas semanas, fosse realizado aqui. A decisão é um escárnio com os mortos, seus familiares e amigos enlutados. Acho que já comentei nas minhas colunas, mas quem me acompanha sabe que, por mim, nenhum campeonato estaria acontecendo no Brasil. O governo foi omisso na compra de vacinas para imunizar a população.

Se Bolsonaro respondesse os e-mails da Pfizer com a mesma velocidade que retornou para a Conmebol, não veria problema algum em realizar o evento, já que boa parte da população  estaria imunizada. O problema é que o Capitão deseja e trabalha para a morte. Ele é aliado do vírus. A realização desta competição é um absurdo. Um descaso total com a vida dos brasileiros que sofreram e sofrem com esta pandemia.

Comentários

- Advertisment -Opinião: Presidente prioriza futebol ao invés de imunizar brasileiros - Olimpia Sports

Últimas Notícias