Home Skate Pâmela Rosa é bicampeã mundial no skate street em dobradinha com Rayssa

Pâmela Rosa é bicampeã mundial no skate street em dobradinha com Rayssa

-

Brasileiras brilharam na competição disputada na Flórida. No masculino, Lucas Rabelo ficou com o vice-campeonato

A coroa do skate street feminino segue pertencendo a Pâmela Rosa. A paulista de 22 anos conquistou neste domingo, 14, em Jacksonville, na Flórida (Estados Unidos), o bicampeonato mundial da modalidade, que é praticada em obstáculos de rua, como escadarias ou corrimões.

Medalhista de prata na Olimpíada de Tóquio (Japão), Rayssa Leal ficou na segunda posição. A maranhense de 13 anos repetiu o desempenho de 2019, quando também foi vice-campeã. A japonesa Momiji Nishiya, ouro em Tóquio, completou o pódio.

No primeiro momento, oito skatistas brigaram por quatro vagas na segunda parte da decisão, onde as atletas tiveram mais duas manobras para buscar o título. Rayssa avançou com a melhor somatória de notas (19.2). Pâmela se classificou no limite, em quarto (16.7), mas brilhou nas manobras finais, com um 7.7 e um 8.1, descartando notas mais baixas, enquanto as rivais não completaram os movimentos. A paulista foi a 21.8 de somatória e garantiu o primeiro lugar.

Ò título coroa a volta por cima de Pâmela após se recuperar de uma lesão no tornozelo esquerdo, sofrida durante um treino, o que atrapalhou o rendimento dela em Tóquio. A brasileira, líder do ranking da World Skate (federação internacional da modalidade), ficou na décima posição nos Jogos e não foi além da fase eliminatória.

Lucas Rabelo é vice

Na final masculina do Mundial de street, Lucas Rabelo ficou com o vice-campeonato, superado pelo norte-americano Jagger Eaton, que liderou a disputa do começo ao fim. O cearense de 22 anos teve somatório de 27,3, somente dois décimos a menos que Eaton. O português Gustavo Ribeiro ficou na terceira posição. Número um do mundo e principal favorito, Nyjah Huston, dos Estados Unidos, acabou em quarto, fora do pódio.

Outros dois brasileiros competiram na decisão. Prata em Tóquio, Kelvin Hoefler ficou em quinto e não avançou à segunda parte da final, assim como Felipe Gustavo, sétimo colocado.

Comentários

- Advertisment -Pâmela Rosa é bicampeã mundial no skate street em dobradinha com Rayssa - Olimpia Sports

Últimas Notícias