HomeSupercopa do BrasilFlamego vence Esmac por 2 a 0 e agora enfrenta o Grêmio...

Flamego vence Esmac por 2 a 0 e agora enfrenta o Grêmio na semifinal da Supercopa do Brasil Feminina

-

Sob os olhares da técnica Pia Sundhage, rubro-negras carimbam passaporte com gols de Darlene e Duda

Quem esteve no Estádio Luso-Brasileiro neste domingo, como a técnica Pia Sundhage, viu Flamengo e Esmacprotagonizarem um confronto muito intenso, especialmente na primeira etapa. Estreando seis de seus nove reforços para a temporada, o Flamengo contou com gols de Darlene e Duda para superar as paraenses e garantir a vaga para a semifinal da Supercopa do Brasil de Futebol Feminino. Na próxima quarta-feira, as rubro-negras duelam contra as Gurias Gremistas pela vaga na decisão do torneio

Flamego vence Esmac por 2 a 0 e agora enfrenta o Grêmio na semifinal da Supercopa do Brasil Feminina - Olimpia Sports

O jogo

Sob o forte calor do Rio de Janeiro, os times fizeram um primeiro tempo de alta voltagem. A capitã rubro-negra, Darlene, respondeu pelas duas conclusões mais perigosas no início da partida. Logo no primeiro minuto, tentou de bicicleta, mas a bola foi para fora. Aos seis, a nova camisa 10 da Gávea, Duda, construiu a jogada pelo meio e serviu a meia. Ela cortou para a direita e arriscou um chute forte da entrada da área, que explodiu no travessão. A bola sobrou para Leidi, que mandou para o gol e reclamou de pênalti no lance. 

O Flamengo não demoraria a inaugurar o placar. Em bola alçada na área da Esmac, a zagueira Lorena e a goleira Letícia Bussato dividiram a mesma jogada. Lorena tentou recuar de cabeça, mas Bussato já estava vencida no lance. A sobra foi de Darlene, que cortou a marcadora com habilidade e afundou a bola na rede. Aos vinte, a camisa 7 deu belo drible e serviu Duda na entrada da área, que cortou para a direita e bateu rasteiro no canto direito de Bussato, ampliando a vantagem rubro-negra.

Flamego vence Esmac por 2 a 0 e agora enfrenta o Grêmio na semifinal da Supercopa do Brasil Feminina - Olimpia Sports
Flamengo e Esmac duelaram por vaga na semifinal da Supercopa do Brasil de Futebol Feminino
Créditos: Nayra Halm / Staff Images Woman / CBF

A Esmac levou perigo logo na sequência, quando Raquel acionou Carolina em jogada de velocidade. O chute forte saiu à direita da meta de Gabi Crocco. Aos 43, Darlene quase marcou um gol olímpico, mas Letícia Bussato tirou de soco.

Na segunda etapa, o Flamengo manteve a pressão sobre a equipe paraense. Aos 12, Darlene cobrou falta na área da Esmac, a defesa cortou e Radija saiu em disparada no contra-ataque. Na meia-lua, a própria Darlene conseguiu a recomposição e chegou para fazer o desarme. Dois minutos depois, a Esmac viu o prejuízo aumentar quando Larissa Sanchez puxou a camisa de Anny Marabá e recebeu o segundo amarelo.

Aos 16, Duda construiu boa jogada na ponta esquerda, superando a marcação e cruzando para Gisseli. A lateral recebeu na entrada da área e tentou de voleio, mas a bola parou na defesa.  Até o fim da partida, o Flamengo impôs seu domínio, criou muitas chances e passou bem perto de ampliar o placar.

A Esmac teve a oportunidade de descontar em cobrança de falta de Lora Soure, mas a bola passou por cima do gol. Agora, as rubro-negras enfrentam o Grêmio na próxima quarta em busca da vaga para a final.

Comentários

- Advertisment -spot_img

Últimas Notícias