HomeSeleção BrasileiraApós se recuperar de séria lesão, Luana celebra volta à Seleção Feminina

Após se recuperar de séria lesão, Luana celebra volta à Seleção Feminina

-

Após quatorze meses, meia voltou a vestir a Amarelinha em um jogo preparatório. Última partida com a Seleção foi no dia 01 de dezembro de 2020 diante do Equador.

Foram quatorze meses sem vestir a Amarelinha, mas agora, Luana está de volta à Seleção Feminina. Nesta quarta-feira, 16, diante da Holanda, a meia voltou a sentir a sensação de atuar pelo Brasil. Ao iniciar a partida como titular, a jogadora encerrou um longo período de espera por uma nova oportunidade com Pia Sundhage.

A lesão do ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, em março de 2020 em um jogo pelo Paris Saint-Germain, adiou o sonho da meia de disputar a sua primeira Olimpíada. Cotada para estar entre as selecionadas de Pia, Luana precisou aguardar para voltar a escrever sua trajetória na Seleção Brasileira. Se há um sentimento que possa descrever o retorno à equipe nacional, este é alegria. 

“Pra mim é uma alegria muito grande estar aqui, trabalhei muito pra isso! Foi um ano muito difícil, mas também de muito aprendizado, e pra mim já estar aqui já é um vitória. Ter tido a oportunidade de começar a partida ontem foi muito importante pra mim, como a Pia disse é uma página em branco. Acredito que todo dia a gente tem que provar, tem que provar nossa forma e que estamos bem para estar aqui”, avalia. 

Diante das holandesas, Luana atuou por 55 minutos em campo. Neste retorno, cada segundo conta para recuperar o nível que a fez, nesses último três anos, como uma das jogadoras com maior número de jogos com Pia Sundhage. 

“Estou vivendo o hoje, não vejo o que fiz no passado. Todo dia preciso buscar melhorar e estar bem, eu me preparei muito para estar aqui. Sei que antes de chegar aqui não tive muitos jogos, vim entrando aos poucos e ganhando ritmo no PSG. Mas eu estava bem tranquila na partida de ontem, bem concentrada, sabia que não seria perfeita pelo ritmo e tudo, mas fiz o que estava ao meu alcance, dei o meu melhor pra equipe”, conta.

Neste sábado, 19, o Brasil terá pela frente a Seleção Francesa na segunda rodada do Torneio Internacional da França. Adversárias essas que Luana conhece muito bem. Entre as 23 convocadas da técnica Corinne Diacre, seis atuam no PSG. A meia prega atenção na força ofensiva das donas da casa. 

“A Seleção Francesa é de alto nível mundial. É forte e com jogadoras muito rápidas no ataque. É uma Seleção que gosta de trabalhar a bola pelo meio e também muito perigosa nas bolas paradas, com a Renard. Sempre é um confronto de peso-pesados quando a gente enfrenta elas. Estou atuando aqui na França e conheço a característica delas, vamos estudar e bolar para uma estratégia para enfrentá-las”, finaliza. 

Brasil e França se enfrentam neste sábado, 19, às 17h10 (Horário de Brasília), no Estádio Michel D’Ornano, em Caen (FRA), com transmissão ao vivo do Sportv. 

Comentários

- Advertisment -spot_img

Últimas Notícias