HomeJogos Paralímpicos de InvernoTemperatura aumenta nas montanhas chinesas e prova de snowboarder gaúcho é antecipada...

Temperatura aumenta nas montanhas chinesas e prova de snowboarder gaúcho é antecipada em um dia

-

A drástica mudança de clima nas montanhas chinesas, onde são realizadas os Jogos Paralímpicos de Inverno, forçou o Comitê Organizador Local a antecipar em um dia a prova do gaúcho André Barbieri. 

As disputas de banked slalom do snowboard serão nesta sexta-feira, 11, e não mais no sábado, 12. A partir de 1h da manhã desta sexta-feira, 11, horário de Brasília, os snowboarders competirão. 

“Eu vou dar o meu melhor na prova de banked slalom. Vou executar a técnica perfeita o máximo que eu puder para conquistar o melhor resultado”, disse Barbieri.

As temperaturas chegaram a 9ºC nas horas mais quentes do dia e no final de semana existe até a previsão de chuva, o que provoca derretimento mais rápido da neve. Em decorrência da falta de neve, as provas na cidade de Zhangjiakou, onde ocorrem snowboard e o cross-country (modalidade que conta com outros cinco brasileiros), são disputas sobre neve artificial.

Na semana que antecedeu aos Jogos Paralímpicos de Inverno em Pequim, os termômetros chegaram a marcar -15ºC, porém não houve precipitação de neve.  

André já disputou a prova de cross, em que finalizou com o 13º lugar. Esse evento ocorreu na segunda-feira, 7, e a temperatura bateu em 4º C. 

Na manhã desta quarta-feira, 9, em Zhangjiakou, voltou a fazer 9ºC por volta do meio-dia, durante as semifinais de sprint do esqui cross-country, em que os brasileiros Cristian Ribera e Aline Rocha terminaram entre os 10 melhores. Porém, a condição da neve não passou despercebida pela dupla. 

Banked slalom não é a prova preferida de Barbieri, gaúcho da cidade de Lajeado, e ele realiza o último treino no local da competição na tarde (da China) desta quinta-feira. “Eu prefiro a prova de cross, tem mais adrenalina envolvida. Mas o banked é como se fosse um jogo de video game, é uma prova muito divertida”, explicou o snowboarder.

André, que é da classe LL1, para atletas com deficiência em uma ou ambas as pernas, entrou no movimento paralímpico depois de quebrar o fêmur da perna esquerda, em 2011. À ocasião, ele caiu enquanto praticava snowboard, em Mammoth Mountain, na Califórnia, nos EUA. Depois de quatro operações para reconstruir sua perna em cinco dias, o membro afetado precisou ser amputado.

Confira a programação completa dos atletas brasileiros até o fim dos Jogos Paralímpicos de Inverno Pequim 2022 e onde assistir:

Sexta, 11 de março
01h – Finais do snowboard banked slalom (André Barbieri).
Flashes no SporTV 2

Sábado, 12 de março
1h30 – Finais do esqui cross-country masculino e feminino média distância (Aline Rocha, Cristian Ribera, Guilherme Rocha, Robelson Lula e Wesley Santos).
23h – Revezamento misto do esqui cross-country.
Ao vivo no SporTV2 

Domingo, 13 de março
9h – Cerimônia de encerramento
Ao vivo no SporTV2

Comentários

- Advertisment -spot_img

Últimas Notícias