HomeBrasileirãoInter bate a Esmac-PA por 4 a 0 em jogo com muita...

Inter bate a Esmac-PA por 4 a 0 em jogo com muita chuva e assume a liderança da competição

-

O Internacional venceu a Esmac no domingo, 13, por 4 a 0. A partida foi no estádio Baenão, onde as Gurias Coloradas enfrentaram a Esmac – e também a chuva -, em duelo válido pela segunda rodada do Brasileirão Feminino Neoenergia e disputado em Belém, capital do Pará. Após empate sem gols no primeiro tempo, que correu com gramado extremamente castigo por intenso temporal, o Inter contou com pinturas de Duda, Maiara, Biazinha e Mileninha, na etapa final, para golear as rivais por 4 a 0 e manter os 100% de aproveitamento no Nacional.

A arrancada das Gurias na atual edição do Campeonato Brasileiro já igualou o início de campanha de 2019, quando as coloradas, estreantes na elite nacional, também venceram os dois primeiros jogos. Atual líder da competição, com seis gols marcados e saldo positivo de cinco, o Clube do Povo volta a campo na segunda-feira da próxima semana, 21, às 20h, diante do São Paulo. O duelo contará com mando de campo do Internacional.

Início promissor, mas interrompido pela chuva

Foram muito interessantes os 10 minutos que inauguraram a partida no Estádio Baenão. Sobretudo para as Gurias Coloradas, que chegaram com perigo em três ocasiões logo no início do confronto. O primeiro arremate do Clube do Povo saiu aos dois, quando Lele foi lançada por Zóio e arriscou chute forte, mas sem direção. Pouco depois, Millene invadiu a área pela esquerda e quase tirou o zero do placar, mas o arremate apenas tirou tinta do poste e suspiros da torcida. Já aos 10, Maii Maii exigiu milagre da goleira Leticia, vilã responsável pela manutenção do zero no escore.

O bom início das Gurias também contou com brilho da goleira Mayara, que operou milagre providencial aos oito, instante em que Luciene aproveitou raro espaço oferecido pela defesa do Inter para finalizar de dentro da área. Tudo indicava que o primeiro tempo reservaria grandes emoções, até que a chuva apareceu. Ou melhor, o dilúvio, que precisou de poucos minutos para tornar impraticável o futebol no gramado do Baenão, fato constatado pela árbitra aos 21, quando o jogo foi paralisado.

Reiniciado 12 minutos mais tarde, o jogo pouco ofereceu antes do intervalo. Se é verdade que a chuva não caía na mesma intensidade de outrora, o gramado ainda estava castigado, dificultando o rolar da bola. Muito por isso, as Gurias passaram a apostar em chutes de longa distância, mas pouco assustaram usando deste expediente. Segura atrás, foi a equipe da Esmac quem levou maior perigo na frente, já que Thaisa, aos 55, construiu veloz contra-ataque. May, de novo atenta, impediu maiores problemas e assegurou o empate.

Segundo tempo e muitos gols Colorados

Os 15 minutos de intervalo fizeram a diferença para o gramado, que apresentava condições muito melhores de jogo a segundos do reinício de partida. À vontade para desempenhar seu futebol, as Gurias não deram chance para o azar, e trataram de abrir a conta o quanto antes. Aos dois, Mai inverteu linda bola para Tamara, que conseguiu o domínio dentro da área antes de servir Duda. Com o corpo, a camisa 10 entortou a marcação, abriu ângulo para a canhota e chutou com curva. Golaço!

Os espaços pela direita voltaram a ser aproveitados aos 13, instante em que Tamara disparou pela direita em altíssima velocidade. A camisa 30, titular diante da ausência de Fabi Simões, esticou jogo até Millene, que percebeu Mai entrando na área, com liberdade, pela esquerda. A virada de jogo da 14 morreu no pé da 26, que prontamente finalizou colocado, no endereço da coruja, para ampliar. Outra pintura!

Em desvantagem, a Esmac passou a jogar de maneira mais ofensiva, e incomodou a defesa do Inter. Em duas ocasiões, as rivais chegaram com perigo, mas não converteram suas chances em gol. Primeiro, por culpa de Sorriso, que cortou em cima da linha. Depois, cabeceio de Larissa passou muito perto, mas saiu em tiro de meta. Era preciso reagir ao ímpeto rival, e Maurício Salgado respondeu com trocas assertivas.

Segundos após substituírem Lelê e Tamara, Mileninha e Bia construíram a jogada do terceiro gol colorado. Garçom, a primeira foi assistente da companheira, que transformou o gramado do Baenão em pista de atletismo para, após arrancada digna de prova de 100m rasos, chutar sem chances para Leticia. Mais tarde, já nos acréscimos, Milena fez às vezes de artilheira. Depois de grande trama de Duda, a artilheira esbanjou tranquilidade diante da saída da goleira. Goleada do Inter!

Comentários

- Advertisment -spot_img

Últimas Notícias