HomeLevantamento de PesoBrasil fecha o Pan de levantamento de peso com 15 medalhas

Brasil fecha o Pan de levantamento de peso com 15 medalhas

-

Cinco atletas subiram ao pódio na competição disputada na Colômbia, quatro no feminino. No último dia, a jovem Taiane Justino quebrou recordes brasileiros

O último dia do Pan-Americano de Levantamento de Pesos, em Bogotá, na Colômbia, teve a presença da medalhista mundial sub-17 Taiane Justino. Ela quebrou três recordes brasileiros adultos e sub-20 na categoria +87kg, na sua primeira competição adulta internacional. Um fechamento de ouro para uma grande competição dos pesistas do país.

Taiane, que foi para a disputa com o objetivo de ganhar experiência e treinar para desafios da temporada, como Jogos Sul-Americanos e Mundial Sub-20, marcou 104kg no arranco (7º lugar), 131 kg no arremesso (6º) e 235kg no total dos dois exercícios (6º).

O Pan trouxe um panorama animador para o Brasil. O país chegou a 15 medalhas conquistadas por cinco atletas. Doze dos pódios vieram com mulheres, o que fez o país terminar em quarto no quadro feminino, atrás apenas de Colômbia, Estados Unidos e Equador.

Na competição, o Brasil brilhou nas disputas femininas. Emily Rosa, Nathasha Rosa, Letícia Laurindo e Laura Amaro carregam bagagem extra no retorno, com três medalhas cada uma. Medalhista mundial, Amanda Schott teve carga de treinos reduzida antes do evento, mas é outra força para as próximas competições.

Some-se a isso três medalhas conquistadas por Marco Túlio Gregório, após um período de resultados abaixo de sua média, e Thiago Félix, que havia se recuperado de forte gripe e mesmo assim quase beliscou uma medalha no arremesso. Incluindo Taiane Justino, são oito potenciais atletas com chances de pódio em eventos nas Américas e mundiais.

“Estou animada para o que está por vir. Temos os Jogos Sul-Americanos e Mundial. Este é o momento em que temos de ter paciência e olhar as coisas que estão acontecendo para que sigamos para a nova etapa com confiança”, disse a medalhista mundial Laura Amaro, analisando seu desempenho em Bogotá.

Santiago 2023

Além dos 15 pódios em Bogotá, o Brasil conseguiu garantir mais uma vaga feminina para os Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023, com o país terminando entre os oito primeiros na contagem das duas últimas competições pan-americanas entre as mulheres. Com isso, o Brasil terá direito a levar sete pesistas na principal competição multiesportiva das Américas, sendo quatro mulheres e três homens.

Comentários

- Advertisment -spot_img

Últimas Notícias